domingo, 20 de julho de 2014

Trekking e acampamento selvagem - ponto mais alto de SC.2/3

 Inicia-se o segundo dia e para variar estava muito frio, copo que deixamos do lado de fora da barraca estava congelado.


Geada no chão.
 Procuramos acampar próximo a vegetação para nos proteger do vento.

acampamento no segundo dia

Toalha que deixamos pendurada do lado de fora estava congelada

Gelo da barraca
Gelo da barraca

Geada

Chocolate quente para aquecer a partida.

Inicio da caminhada

Caminhada
Ja era 7 da manha quando partimos sentido ao morro da Bela vista, ponto mais alto de SC. Naquele dia a temperatura no local chegou a -8,8 °C.

morro da bela vista




Momento de oração, meditação, e agradecimento a Deus, por ter saúde e oportunidade de vivenciar e deslumbrar este lugar.

Morro da bela vista

 Não se engane com as imagens, tudo parece muito facil de se caminhar, mas na verdade boa parte é coberto por estas esponjas, e banhado, algumas esponjas sao resistentes e suportam o peso de uma pessoa mas outras nao, isso significa que numa passada você pisa e sobe meio metro do chao e na outra voce afunda meio metro a perna na esponja, muito esforço nos joelhos, isso somado ao cansado da caminhada e uma mochila de 15kg nas costas resulta a desequilíbrio constante pois as pernas ja nao obedecem mais, a queda em alguns pontos é natural por causa da mochila que acaba te jogando para os lados, ai é sorte para não molhar a bunda, porque os pés ja estão encharcados desde o inicio da trilha.



Esponjas

Terreno por onde caminhamos

Campo das esponjas
 Lá atras na foto abaixo é possivel ver o morro do chapeu, nosso proximo destino, parece tao longe e inalcançável. Mas o jeito e caminhar.
Ao fundo morro do chapeu.

Caminho percorrido

Morro do chapeu


Cachoeira antes do morro do chapeu


estrada de acesso ao morro do chapeu

caminho percorrido

em cima do morro do chapeu.
 Lá atras morro do perdido, nosso proximo destino.


trilha fechada, muita dificuldade para passar. Mochila engatava em tudo.

proximo ao morro do perdido
Mato fechado
ponto de mato fechado que passamos
 Passamos por trilha fechada gastamos muita energia e depois descobrimos que tinha uma trilha aberta bem facil de atravessar. HHehehehe, isso que da querer ir na frente sem saber o caminho.

ponto de mato fechado que passamos no fim ate uma pedra de quase 3m de altura tivemos que escalar, estávamos exaustos 
caminho percorrido, estávamos la atras no morro do chapéu
Galera dos desbravadores 
Terceiro dia de acabamento
No segundo dia andamos um pouco mais cerca de 15km, o sol saiu muito rápido porque estávamos cercado por morro, era 16:30 e já não batia mais sol no acampamento. O frio bateu e corremos para dentro da barraca para se esquentar, algum tempo de conversa e rizadas e logo o cansaço venceu e adormecemos.



Continua...